Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O ErgoPublic surgiu formalmente na Universidade de Brasília (UnB) em março de 2001 como um produto do projeto integrado de pesquisa (CNPq) “Serviço de Atendimento ao Público e Satisfação dos Usuários: Contribuições da Ergonomia para a Melhoria da Relação Estado-Cidadão”.
Trata-se de um grupo interdisciplinar de estudos, pesquisas e intervenções no setor público, buscando abordá-lo com base na perspectiva teórico-metodológica e ética que se inspira na “Ergonomia da Atividade”.Na Universidade de Brasília, o ErgoPublic é parte integrante do Núcleo de Ergonomia da Atividade, Cognição e Saúde (ECoS) que, por sua vez, integra o Departamento de Psicologia Social e do Trabalho, unidade do Instituto de Psicologia da UnB.
O grupo filia-se a uma corrente de pensamento contemporâneo baseada no pressuposto de que um novo mundo é possível. Nessa perspectiva, a prática da Ergonomia da Atividade pelos membros do ErgoPublic inscreve-se em uma dupla perspectiva de fazer ciência socialmente referenciada, buscando fortalecer os valores da cidadania, da democracia e do papel social do Estado brasileiro. 
 
Objetivos
 
O ErgoPublic atua com uma dupla perspectiva: (a) possibilita um espaço de reflexão e formação acadêmica em Ergonomia da Atividade focada no setor público brasilero; e (b) desenvolve estudos aplicados para contribuir na melhoria dos serviços aos usuários-cidadãos. O ErgoPublic visa especificamente:
  • Acompanhar a evolução dos conhecimentos produzidos em Ergonomia e ciências afins;
  • Debater os aspectos teóricos, metodológicos e éticos que fundamentaram a abordagem da temática;
  • Conhecer experiências e intercambiar com os protagonistas que atuam nas organizações no setor público.

 Coordenação:

Prof. Dr. Mário César Ferreira: Psicólogo do trabalho, Pós-Doutorado em Ergonomia da Atividade Aplicada à Qualidade de Vida no Trabalho pela Université Paris 1 Sorbonne (França). Atualmente é professor associado 1 no Departamento de Psicologia Social e do Trabalho do Instituto de Psicologia da UnB. Realizou diversas atividades em Psicologia do Trabalho, com o referencial teórico-metodológico em Ergonomia da Atividade, no âmbito do serviço público em instituições como: Detran - DF, Embrapa, Ministério das Relações Exteriores, Organização Pan americana de Saúde - Opas, Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios - TJDFT, TRT 10ª. Região, TCDF, Ministério da Educação - MEC, Banco de Brasília - BRB e Banco Central do Brasil. Na UnB, tem orientado mestrandos e doutorando que desenvolvem pesquisa aplicada em empresas e organizações governamentais. É pesquisador do CNPq onde executa projeto (2008-2011) na temática "Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) no Contexto das Organizações Brasileiras: Construindo uma Métrica em Ergonomia da Atividade para Diagnóstico e Monitoramento ". É co-autor do livro "Trabalho e riscos de adoecimento: o caso dos auditores-fiscais da Previdência Social brasileira" (2003) Edições Ler, Pensar, Agir - LPA e co-organizador dos livros "A regulação social do trabalho" (2003), publicado pela Editora Paralelo 15 e "Trabalho em transição, saúde em risco" (2002) Editora da UnB. CV Lattes http://lattes.cnpq.br/5833453038151889

 

 

Um valor é necessário.
E receba nossas noticias, avisos
e informativos por e-mail
Um valor é necessário.
Um valor é necessário.
Um valor é necessário.Um valor é necessário.
Um valor é necessário.Um valor é necessário.
Incluir Remover